• Menu
  • Menu
água da torneira

Malta investe em estrutura por mais água na torneira

Recentemente, o Blog Enjoy Intercâmbio respondeu a uma pergunta extremamente útil para quem planeja ou está fazendo intercâmbio em Malta: posso beber água da torneira? A resposta, em suma, é: tudo bem se você beber, mas é melhor evitar. Em breve, vai ser mais tranquilo – e mais barato – se hidratar na ilha: o governo anunciou que fará mudanças no sistema de abastecimento.

Basicamente, ocorre que Malta tem limitados reservatórios em terra – não há rios ou lagos na ilha, um arquipélago encravado no meio do Mar Mediterrâneo. O governo então faz a dessalinização da água: pega água salgada do mar ou de poços profundos e, através de tratamento químico, torna-a potável. Ela possivelmente fica com um gosto estranho.

O que ocorre, segundo o jornal Times of Malta, é que locais diferentes de Malta têm diferentes qualidades de água da torneira. Segundo Richard Bilocca, chefe-executivo da Water Services Corporation, órgão responsável pelo abastecimento de água em Malta, em breve tudo estará uniformizado, onde quer que você esteja.

O plano é investir €100 milhões nos próximos meses – boa parte desta verba, garantida pela União Europeia – para aumentar a capacidade de produção das usinas de dessalinização. Além disso, túneis subterrâneos serão construídos para transportar a água por dutos, misturando-a com a de reservatórios já existentes.

O investimento também vai aumentar a rede de esgotos em Malta. Ou seja, em breve o país será melhor, ecologicamente falando, além de acabar com a rotina de muitos habitantes e intercambistas, que consomem água mineral em garrafas de plástico compradas em packs de seis nos mercados – uma solução que, aliás, não é nada amigável do ponto de vista ecológico.

Excelente notícia, portanto. Vai ser só beber água da torneira.

Fonte: Times of Malta

[button link=”https://enjoyintercambio.com/orcamentos/” (target=”_blank”) (size=”medium”) (style=”outline”)]Gostou do que viu? Solicite seu orçamento[/button]

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

1 comment